Com o intuito de informar e sensibilizar a população sobre a necessidade de doar sangue e medula óssea, a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba) comemorou nesta segunda, 25, Dia Nacional do Doador de Sangue lançando a campanha "Esquadrão Hemoba - Faço parte do Time da Doação". A campanha, presente em todos os municípios da Bahia, servirá para abastecer os estoques de sangue visando as festas de fim de ano.

Este mês, em parceria com Esporte Clube Bahia, o Hemoba vai contar, até o dia 30, com atividades especiais como atrações culturais, visita de jogadores, animadoras de torcida e dos mascotes do Bahia em homenagem aos doadores. Além disso, a iniciativa terá coletas externas e horários diferenciados. Segundo o diretor geral do Hemoba, Fernando Araújo, é preciso chamar a atenção das pessoas para o assunto, pois "cada doação pode salvar mais de quatro vidas”.

Fernando Araújo também ressaltou que a Fundação trabalha sobre quatro pilares: Hematologia, Hemoterapia, Ensino e Pesquisa e que, através de convênios com hospitais e prefeituras, atende a todas as regiões do estado e a pessoas de toda a faixa etária. Segundo Araújo, doar sangue é salvar vidas, e o processo de doação é muito simples, bastando ao candidato ter entre 16 e 69 anos, estar em boa saúde, e pesar no mínimo 50 quilos.

De acordo com o Hemoba, entre 01 de janeiro e 24 de novembro de 2019 foram cadastrados cerca de 140 mil candidatos para doação e coletadas aproximadamente 106 mil bolsas de sangue para serem distribuídas entre hospitais e centros de saúde. Esse número, no entanto, não é suficiente para cobrir a demanda. Além de ser distribuído por todo o estado, o sangue coletado tem prazo de validade.

Conforme expôs a coordenadora da produção de hemocomponentes do Hemoba, Rose Machado, depois de ser coletado, o sangue total segue para o processamento, repouso, pesagem e separação dos componentes que serão utilizados nos hospitais (concentrado de hemácias, concentrado de plaquetas, concentrado de plasma, e crio) e, daí, para o processo final de identificação do tipo sanguíneo e conservação até que haja a transfusão.

"Cada um desses componentes tem prazo de validade. As hemácias, por exemplo, duram entre 35 e 42 dias; as plaquetas duram apenas 5 dias; e o plasma dura de um a dois anos. Por isso, é necessário sempre reabastecer o estoque para que o sangue não venha a faltar", frisou.

Doando sangue pela primeira vez, a trabalhadora autônoma Hosana Barreto, 48 anos, era uma das dezenas de doadores que visitaram o Hemoba na tarde de ontem. Segundo ela, a doação de sangue é uma forma simples de fazer o bem. "A gente sabe que há uma carência de doação, talvez por falta do conhecimento sobre a simplicidade do processo. Mas é importante saber que esse gesto de doação é o mínimo que a gente pode fazer pelo outro, porque doar sangue é doar vida", concluiu.

Fonte: Atarde


Centro Especializado de Reabilitação ganha novas especialidades

Teixeira de Freitas: O Centro Especializado de Reabilitação de Teixeira de Freitas (CER 4) está qualificado para atender as demandas

Prefeitura promove reestruturação para agilizar marcação de

Teixeira de Freitas: “A Regulação de Teixeira de Freitas já ficou boa e vai ficar ainda melhor com as novidades”. A afirmação é da dona

Nova terapia promete reduzir mortes por infecção generalizada

Medicamento chamado IRSh* combinado com antibióticos convencionais muda a "cara" da bactéria e corrige resposta do sistema

O sucesso do áudio pornô, que atrai cada vez mais mulheres

A indústria pornográfica migrou das fitas para o DVD, do DVD para internet, e agora acompanha a tendência de sucesso dos podcasts com uma

Uso de maconha medicinal é aprovado pela Anvisa

A Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou por unanimidade a legalização do uso medicinal da maconha. De acordo com o site Hypeness,

Veja os relatos de brasileiros que vivem a traumática paralisia do

Priscila Matos tem paralisia do sono há 25 anos, desde os 10 anos de idade "Eu tive essa sensação pela primeira vez aos nove anos. Acabei

Relatório identifica situação degradante em 40 hospitais

Vistorias feitas em 2018 apontam violência e exploração de trabalho Inspeções em 40 hospitais psiquiátricos de 17 estados das cinco regiões

Dezembro Vermelho: CTA realiza testes rápidos de HIV

O Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) deu início nesta segunda-feira (02), às ações de conscientização do Dezembro Vermelho, com

Governo descarta problemas com vacina contra HPV

Técnicos analisaram reações em jovens que tomaram a vacina no Acre O Ministério da Saúde defendeu o resultado da avaliação de uma equipe de

Como acontece a morte cerebral

Desde o início do ano até setembro, foram 425 notificações de morte encefálica na Bahia, segundo a Sesab O cérebro parou de funcionar às

Nossos Apoiadores: