Um dia cheio de alegria e prevenção. Assim foi a celebração do Outubro Rosa “Conhece seu Corpo”, que aconteceu nesta quarta-feira (30), na Unidade de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON) do Hospital Municipal de Teixeira de Freitas (HMTF). O evento, que começou com um lindo café da manhã, teve na programação palestras, sorteio de brindes, massagem, maquiagem, entrega de lenços para as pacientes, uma missa celebrada pelo Padre Ricardo de Pinho, da Paróquia Santo Antônio. 

Houve também palestras com as médicas mastologistas Drª Rosicarla Dourado e Drª Daniella Pratti, sobre a prevenção e o diagnóstico do câncer de mama.

O evento, que foi organizado pela direção do HMTF, contou a presença do secretário de saúde Fabiano Marily, de funcionários da unidade e teve o apoio do “Grupo da Amizade” da Paróquia Santo Antônio, que entregou às pacientes os lenços confeccionados pelo grupo.

O objetivo desta ação é estimular a participação da população no controle do câncer de mama e compartilhar informações sobre a doença e a prevenção, promovendo a conscientização.

Para a Drª Rosicarla Dourado, estas ações contribuem positivamente para o tratamento da pessoa com câncer. “Quando se descobre um câncer é muito difícil, a pessoa fica muito fragilizada, com aquele medo do que vai ser, como vai ser o sofrimento. Eventos como esse trazem um pouco de carinho, um pouco de cuidado a mais para quem está vivenciando este processo que é tão doloroso.”, explicou a Doutora. Rosicarla destacou que o câncer é uma doença que precisa ser combatida, tratada e que este precisa ser o foco. O principal é fazer sempre a prevenção através da mudança de hábitos de vida reduzindo a chance do câncer de mama. “Alimentação saudável, atividade física, controle do peso, amamentação, além da prevenção secundária através da rotina dos exames periódicos, para identificar precocemente qualquer mínima alteração e aumentar as chances de cura, se tiver alguma alteração mais séria.”, disse.

Dona Joselice Nascimento, que faz tratamento na UNACON, adorou o “dia de princesa” que teve. “Foi maravilhoso, perfeito, isso deixa a gente pra cima, é bom pra nossa autoestima e, sinceramente, desde o início do meu tratamento aqui não tenho do que reclamar. Todos me trataram sempre com muito muito amor, muito carinho, muita atenção, muita dedicação. Creio que todos que estão aqui participando também estão gostando.”, disse a paciente.

O Secretário de Saúde, Fabiano Marily, explicou que a humanização do serviço está ligada diretamente a estes tipos de atividades. Para ele a oncologia é um serviço de saúde diferenciado, que tem um cotidiano totalmente diferenciado junto ao paciente a própria equipe assistencial. “Queremos agora implantar estes serviços ofertados aqui hoje no cotidiano do atendimento. Isso pode ser feito ao longo do ano não precisa ser somente no Outubro Rosa. Principalmente a participação dos voluntários dentro da estrutura de atendimento. Isso fortalece e nos ajuda a melhorar todo o atendimento e fazer com que as pessoas se sintam efetivamente acolhidas. Isto é humanização do serviço.”, disse o secretário.

Por: Liberadadenews/Ascom


Centro Especializado de Reabilitação ganha novas especialidades

Teixeira de Freitas: O Centro Especializado de Reabilitação de Teixeira de Freitas (CER 4) está qualificado para atender as demandas

Prefeitura promove reestruturação para agilizar marcação de

Teixeira de Freitas: “A Regulação de Teixeira de Freitas já ficou boa e vai ficar ainda melhor com as novidades”. A afirmação é da dona

Nova terapia promete reduzir mortes por infecção generalizada

Medicamento chamado IRSh* combinado com antibióticos convencionais muda a "cara" da bactéria e corrige resposta do sistema

O sucesso do áudio pornô, que atrai cada vez mais mulheres

A indústria pornográfica migrou das fitas para o DVD, do DVD para internet, e agora acompanha a tendência de sucesso dos podcasts com uma

Uso de maconha medicinal é aprovado pela Anvisa

A Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou por unanimidade a legalização do uso medicinal da maconha. De acordo com o site Hypeness,

Veja os relatos de brasileiros que vivem a traumática paralisia do

Priscila Matos tem paralisia do sono há 25 anos, desde os 10 anos de idade "Eu tive essa sensação pela primeira vez aos nove anos. Acabei

Relatório identifica situação degradante em 40 hospitais

Vistorias feitas em 2018 apontam violência e exploração de trabalho Inspeções em 40 hospitais psiquiátricos de 17 estados das cinco regiões

Dezembro Vermelho: CTA realiza testes rápidos de HIV

O Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) deu início nesta segunda-feira (02), às ações de conscientização do Dezembro Vermelho, com

Governo descarta problemas com vacina contra HPV

Técnicos analisaram reações em jovens que tomaram a vacina no Acre O Ministério da Saúde defendeu o resultado da avaliação de uma equipe de

Como acontece a morte cerebral

Desde o início do ano até setembro, foram 425 notificações de morte encefálica na Bahia, segundo a Sesab O cérebro parou de funcionar às

Nossos Apoiadores: