Com uma margem apertada, Pedro Sánchez (PSOE) foi reeleito como primeiro-ministro da Espanha. Ele comandará uma inédita coalizão em que o seu partido será apoiado pela legenda emergente de esquerda Podemos. O acordo foi costurado com dificuldades após as últimas eleições, diante de resistência do Podemos.

Outro ponto que garantiu a vitória foi a abstenção de 13 deputados da Esquerda Republicana da Catalunha (ERC). O grupo aceitou a medida diante da promessa de uma mesa de diálogo para discutir a situação do estado, que se digladiou nos últimos anos em torno de um movimento de separação reprimido pelo governo espanhol.

A margem foi apertada, com vitória da nova força política por 167 a 165, além de 18 abstenções. Na primeira votação, no domingo, o placar havia ficado em 166 a 165, o que inviabilizou a maioria absoluta da coalizão progressista. Uma deputada que se encontra doente compareceu à sessão na segunda votação e garantiu a vantagem necessária.

O desfecho pôs fim a um período de instabilidade na Espanha. O PSOE saiu vencedor das eleições em abril, mas não conseguiu formar um bloco que assegurasse sua maioria no Parlamento, governando de forma interina. Diante disso, convocou novas eleições para novembro, que terminaram com uma votação que permitiu ao PSOE e ao Podemos formar a nova coalizão.

O processo é resultado de um cenário de fragmentação. Desde 2011, nenhum país consegue a maioria absoluta sozinho. Agora, a Espanha tem 19 partidos. Além do Podemos, as eleições do ano passado marcaram também a ascensão da legenda de extrema-direita Vox, que obteve mais de 50 cadeiras no Parlamento espanhol.

Por meio de seu Twitter, Sánchez destacou a nova gestão. “Com o governo da Coalizão Progressistas, a Espanha abre um tempo para reivindicar o diálogo e a política útil. Um governo para todas e todos que amplie direitos, restaure a convivência e defenda a justiça social”.

Na sessão do Parlamento de eleição, o vice-presidente e líder do Podemos, Pablo Iglesias, reforçou o projeto do bloco. “Este governo vai defender as condições que fazem possível a liberdade de todos frente a essa direita autoritária e retrógrada. Porque não há liberdade se não se chega ao fim do mês”.

Também na sessão do Congresso, o líder do PP, Pablo Casado, disse que o partido fará uma “oposição firme e responsável” e que defenderá uma Espanha “que não aspire a sua fragmentação” e que “seja admirada em todo o mundo”. Ele exaltou a Constituição do país, em referência crítica à ação separatista dos catalães e à mesa de diálogo sinalizada pelo novo primeiro-ministro.

Fonte: Agência Brasil


Rua José de Alencar recebe drenagem e preparação para asfalto

Teixeira de Freitas: A Prefeitura de Teixeira de Freitas começou a preparar a Rua José de Alencar, mais conhecida como Rua da churrascaria Água

Teixeira de Freitas terá voos diários para São Paulo e Salvador

Teixeira de Freitas: A partir de 29 de março de 2020, o aeroporto de Teixeira de Freitas terá voos diários para São Paulo-SP e Salvador -BA,

PT, Psol e Rede pedem cassação do mandato de Flávio Bolsonaro

Nesta quarta-feira, 19, integrantes dos partidos PT, Psol e Rede se reuniram no Senado e apresentaram um pedido de cassação do mandato do senador

Dólar encosta em R$ 4,36 e renova recorde desde criação do real

Bolsa de valores tem segundo dia seguido de recuperação Em mais um dia de oscilações no câmbio, o dólar subiu novamente e voltou a fechar no

Bolsonaro dá posse a Braga Netto na Casa Civil

Presidente também empossou Onyx Lorenzoni no Ministério da Cidadania O presidente Jair Bolsonaro deu posse ao general Walter Souza Braga Netto

Ministros podem ser alvos de célula terrorista diz PF ao STF

A Polícia Federal informou ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que uma célula terrorista pode planejar

Ministro considera greve ilegal e autoriza sanções a petroleiros

Ives Gandra atendeu a pedido da Petrobras e considerou 'política' paralisação que dura 17 dias. Com decisão, sindicatos terão de garantir

BA-290, entre Itanhém e Teixeira, passará por restauração

Teixeira de Freitas: Os 89 quilômetros da BA-290, que liga Itanhém a Teixeira de Freitas, passando por Medeiros Neto, serão restaurados. O aviso

Fique atento: Prazo para eleitor regularizar título termina em maio

Quem não estiver em dia com documento, não poderá votar nas eleições Os cidadãos que tiveram o título de eleitor cancelado têm até o dia

Lei de descarte de resíduos é descumprida no extremo sul

Os municípios brasileiros com mais de 100 mil habitantes, que possuem plano intermunicipal de resíduos sólidos, têm até este ano para acabar

Nossos Apoiadores: