"Eu alisava meu cabelo porque via todo mundo daquele jeito, aí também queria. Só depois passei a ver meu cabelo de outra forma. Agora não me vejo sem meu cabelo crespo", contou Raísa Umburana, 15, enquanto acompanhava o bate-papo "Protagonistas da Beleza Negra" sobre o empoderamento crespo no projeto Avançar, no Bairro da Paz, nesta terça. Com a comemoração do Dia da Consciência Negra, que acontece hoje, a discussão pela aceitação e representatividade dos cabelos crespos fez parte das ações da semana da consciência negra.

Raísa contou sobre a variedade de penteados que o cabelo crespo oferece. "Eu posso deixar ele solto, fazer baby hair ou trançar, são várias opções". Ela conta com a ajuda da irmã, Raíla Umburana, de 13 anos, que também mantém o cabelo crespo. "Eu me descobri quando percebi que meu cabelo crespo é mais bonito que o cabelo liso", contou Raíla.

Convidadas para o bate-papo, Carol Gonçalves e Iasmine Fernandes, influenciadoras digitais, falaram sobre o processo de transição capilar e de aceitação dos fios crespos. Para Carol, criadora do blog Mulher Melhore, deixar de lado a química nos fios, teve ligação direta com sua identidade. "O processo foi uma ação transformadora que também inspirou outras pessoas através do blog. Antes do processo, eu não conhecia meu cabelo, só depois eu vi que meu cabelo era crespo e isso foi importante para me reafirmar enquanto mulher negra".

Para Iasmine Fernandes, da página Vamos Cachear o Mundo, a transição aconteceu pela necessidade de interromper a química nos cabelos. "Eu só queria parar a química. Uma vez fui escovar e dar prancha e meu cabelo alisou, aí eu percebi que os cachos não voltariam e tive que cortar o cabelo. Foi um processo provocado". Após o episódio, Iasmine decidiu não dar mais química nos fios.

Marcha do Empoderamento - Ao longo dos anos, o debate por assumir o cabelo crespo tem crescido, inclusive com a criação da Marcha do Empoderamento Crespo, que acontecerá em 30 de novembro, no Campo Grande, o ato busca reforçar a luta contra o racismo no estado. Para o professor de Direito da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Samuel Vida, no Brasil existe uma tradição racista expressada no processo de depreciar os cabelos crespos. "Quando uma pessoa negra possui um cabelo menos crespo, é chamada de Cabo Verde. O cabelo é um marcador fundamental para entendermos o racismo". 

O professor, que também é militante do Movimento Negro ressaltou a necessidade de desconstruir o alisamento como algo obrigatório. "É importante desconstruir essa inferiorização, possibilitando o resgate da auto estima. É preciso recuperar o reconhecimento que o cabelo crespo, natural do negro, é um cabelo bonito".

A coordenadora de projetos comunitários da Santa Casa da Bahia, Martha Verônica contou que a ideia da ação surgiu de uma demanda das próprias crianças. "Nós percebemos que as crianças tinham uma dificuldade de aceitação. Você encontrar uma criança que diz estar com o cabelo amarrado porque o cabelo é feio, então alguém disse isso. São temas que eles trazem e a partir disso, nós percebemos a necessidade de trabalhar isso de mais forte", destacou.

Fonte: Atarde

'Pensei em me matar', diz atriz após vídeo em site pornô

Pillar Costa, que atuou na novela da Globo no ano passado, entrou em depressão A atriz Pillar Costa, que participou da novela ‘Malhação’,

40 anos sem Vinícius de Moraes: saiba mais sobre o Poeta

Apresentação nesta quinta terá artistas como Gilberto Gil e Toquinho Se estiver com saudades, pode abrir os ouvidos e inspirar os olhos. Os

Danilo Gentilli chama Bolsonaro de psicopata

Em resposta a internauta, o apresentador Danilo Gentili diz que, após ter defendido Bolsonaro, o presidente pediu sua demissão O humorista e

Atriz de 'Glee' Naya Rivera está desaparecida

A atriz americana Naya Rivera, conhecida por seu trabalho na série de televisão "Glee", desapareceu nesta quarta-feira, 8, e as autoridades temem

30 anos sem Cazuza: Flausino e Sideral lançam poema musicado do

Música é baseada em poema deixado pelo artista, morto em 7 de julho de 1990, aos 32 anos Há exatamente 30 anos o músico e poeta Cazuza morria,

Após namoro no BBB, Manu Gavassi e Igor Carvalho terminam

Assessoria da artista confirmou o termino ao Correio O namoro de Manu Gavassi e Igor Carvalho chegou ao fim. Ao Correio, a assessoria da artista

Lives da semana têm Jorge e Mateus, Maiara e Maraisa, César Menotti

As mega lives reúnem inúmeros cantores em grandes shows virtuais, em especial astros do sertanejo A semana que começa nesta segunda-feira, 6,

Mulher de Fábio Porchat aparece pelada em live

"Alguém passou pelada aí atrás", alertou Boulos, dando risada. Uma live sobre assuntos políticos ente Fábio Porchat e Guilherme Boulos foi

Mayra Cardi diz que Arthur Aguiar teve pelo menos 16 amantes

Revelação foi feita ao colunista Leo Dias. A coach de emagrecimento também disse que que nunca traiu o ex-marido Mayra Cardi revelou em

Giovanna Antonelli viraliza com truque para evitar contaminação

Com um isqueiro e um clipes de papel, a atriz fez um aparato para correr menos riscos ao fazer coisas simples que faria com os dedos A atriz

Nossos Apoiadores: