Os estudantes selecionados na chamada regular do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) podem, a partir de hoje (12), fazer matrícula nas instituições de ensino para as quais foram selecionados. O prazo vai até o dia 17. Cabe aos candidatos verificar os dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição em edital próprio.

O resultado da chamada única do Sisu foi divulgado segunda-feira (10) e está disponível no site do programa.

As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera

As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera - Arte EBC

Os estudantes selecionados podem pleitear auxílio para pagar transporte, moradia e outras despesas nas próprias instituições de ensino superior, de acordo com determinados critérios, como renda familiar. Os programas de assistência estudantil são implementados diretamente pelas instituições.

Lista de espera

As vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para os estudantes em lista de espera. Quem não foi selecionado em nenhuma das duas opções de curso feitas na hora da inscrição na chamada única e quiser integrar a lista tem até o dia 17 para fazer a adesão, no site do Sisu.

O candidato deve acessar o sistema e, em seu boletim, clicar no botão que corresponde à confirmação de interesse em participar da lista de espera do Sisu. O estudante poderá manifestar interesse para a primeira ou segunda opção de curso. Ao finalizar a manifestação, o sistema emitirá uma mensagem de confirmação.

Esses estudantes serão convocados a partir do dia 19. A convocação para a matrícula será feita pelas próprias instituições de ensino. Nessa etapa caberá aos próprios candidatos acompanhar a convocação na instituição na qual estiverem pleiteando uma vaga.

Sisu 2019

Nesta edição, o Sisu oferece 59.028 vagas em 76 instituições públicas de ensino em todo o país. A seleção é feita com base no desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018. Para participar é preciso ter obtido nota acima de zero na redação do exame. Ao todo, 640.205 estudantes se inscreveram no programa, de acordo com balanço divulgado pelo MEC.

Por: Agência Brasil


SISU 2020.2: MEC inclui oferta de vagas para cursos a distância

As alterações passam a valer já para o processo seletivo do segundo semestre O Ministério da Educação (MEC) publicou uma portaria alterando as

Sisu oferecerá vagas em cursos de ensino a distância

As vagas são oferecidas com base nas notas do Enem O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) ofertará, a partir do segundo semestre, vagas para

Enem 2020: plataformas on-line e gratuitas liberam conteúdos

Conteúdos auxiliam os estudantes em diversas disciplinas Com o adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, sem novas

Supertelescópio registra sinais inéditos de nascimento de planeta

Cientistas estavam observando jovem estrela chamada AB Aurigae, que fica a 520 anos-luz da Terra, quando notaram denso disco de poeira e gás girando

Governo prorroga prazo de inscrição do Enem até dia 27

Medida foi anunciada pelo ministro da Educação pelo Twitter O ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciou a prorrogação do prazo de

Estudantes dividem opiniões sobre o adiamento do Enem 2020

A suspensão das provas foi aprovada pelo Senado na terça-feira (19) O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira

Mais de 4 milhões de estudantes não têm internet em casa no Brasil

A ausência desse recurso interfere diretamente na educação De acordo com os dados divulgados na semana passada pelo Fundo das Nações Unidas

Adesão ao Sisu começa a partir da próxima segunda-feira

Programa seleciona estudantes para ensino superior da rede pública O Ministério da Educação divulgou nesta quarta-feira (20) o cronograma para

Inep anuncia adiamento do Enem para dezembro ou janeiro

Exame será adiado de 30 a 60 dias, como tinha proposto o ministro da Educação, Abraham Weintraub, pelo Twitter. PL do adiamento passou pelo Senado

Prêmio para mulheres na ciência está com inscrições abertas até

Candidatas podem receber bolsa de R$50 mil reais O programa “Para mulheres na Ciência” para pesquisadoras nas áreas de Ciências da Vida,

Nossos Apoiadores: